Política

João Lourenço destaca políticas para a protecção da economia azul

JA Online

O Presidente da República, João Lourenço, destacou, nesta segunda-feira, em Lisboa, as políticas do Executivo para a protecção da economia azul, referindo que “Angola vem dando, nos últimos anos, passos significativos no sentido de reduzir a queima dos combustíveis fosseis para a produção de energia eléctrica.

27/06/2022  Última atualização 12H03
Presidente da República, João Lourenço © Fotografia por: KINDALA MANUEL | EDIÇÕES NOVEMBRO

O Chefe de Estado, que discursava na Conferência sobre os Oceanos das Nações Unidas prosseguiu que, o país tem privilegiado, a produção e transportação de energia de fontes hídricas para todo território, com aposta em ambiciosos projectos de produção de energia fotovoltaica no centro Sul e Leste, cujos primeiros parques serão inaugurados em Julho do corrente ano.  


"O Governo angolano integrou no seu Plano de Desenvolvimento Nacional o ordenamento das actividades que ocorrem no mar, de modo a potenciar a economia azul, através do reforço da fiscalização e regulação na exploração dos recursos marinhos", disse o estadista o angolano.


João Lourenço assegurou, também, que Angola mantém uma relação com Oceano Atlântico que obriga a cada momento desenvolver iniciativas e a procurar soluções que concorrem para a sua boa utilização e que sirvam os interesses de todos os países.    

 



Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política