Cultura

Isabel Kaputu lança “Questão de Tempo”

A obra “Questão de Tempo” da autoria de Isabel Balombo Solunga Kaputu, de 90 anos, será lançado domingo, às 15h00, no Memorial Agostinho Neto, com a chancela da Marmoco Criações, Lda.

15/06/2022  Última atualização 10H20
Nacionalista Isabel Balombo fez estreia no mundo literário © Fotografia por: DR
O lançamento da obra marca, no mesmo dia, o 90º aniversário da autora e está inserido no quadro de actividades do segundo Festival de Cultura e Artes do Memorial Agostinho Neto.

A obra é um conjunto de poemas escritos desde a época colonial e aos nossos dias. Um deleite sobre o amor e o orgulho à Angola, a sua beleza e grandiosidade entre os filhos de África.

Os poemas revelam igualmente diversas situações difíceis da trajectória da autora, momentos que demonstram a dura vida de quem se destacou nas lutas clandestinas de nacional, bem como a alegria de sonhar no silêncio com liberdade e a esperança no porvir.

A nacionalista Isabel Balombo Solunga Kaputu é natural do Huambo e professora de profissão. Deu o seu contributo de modo enérgico na luta pela libertação de Angola, tendo pertencido a grupos clandestinos nas províncias do Huambo, Luanda, Bié e Cuanza-Sul. Em 1953 contraiu matrimónio com o professor, escritor e nacionalista Alfredo Mariano Kaputu, com quem viveu durante 53 anos. O seu percurso de escrita inicia-se no ano de 1974, coleccionando histórias e trabalhos da etnografia dos povos ovimbundu e mbukusu.

A autora tem vários trabalhos publicados em jornais e revistas da imprensa nacional, tendo merecido o reconhecimento do Ministério da Cultura de Angola, com Diploma de Honra, pelo seu contributo à promoção e divulgação da cultura nacional, em Março de 2016. 

Isabel Kaputu fica para a história de Angola, de África e quiçá do mundo como primeira mulher a integrar a galeria das poetisas e a lançar o seu primeiro livro aos 90 anos.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura