Economia

Iraque defende preço médio do barril entre 85 e 95 dólares

O Representante iraquiano na Opep+, Saduon Mohsen, disse que o seu país espera um preço médio do barril de petróleo em 2023 entre 85 e 95 dólares.

28/11/2022  Última atualização 09H02
Iraque defende preço médio do barril entre 85 e 95 dólares © Fotografia por: DR

Em declarações publicadas, domingo, pela agência noticiosa estatal INA, Mohsen disse estar "optimista" e "confiante" de que a próxima reunião da OPEP+ terá em conta a situação no mercado. Realçou que, no ano em curso, o preço médio do barril se situou nos 97 dólares, "o que é um bom valor", e lembrou que, segundo estimativas dos especialistas, o montante irá variar entre os 85 e os 95 dólares.

Em Outubro, a OPEP+, que integra os 23 membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e 10 aliados externos, decidiu reduzir a produção em dois milhões de barris diários, apesar das pressões dos consumidores em sentido contrário para obrigar a baixar os preços. "A próxima reunião da OPEP+, de 03 a 04 de Dezembro, vai estudar a situação actual e tomar decisões equilibradas", garantiu Mohsen.

O responsável iraquiano lembrou que a produção total da OPEP+ é de 43 milhões de barris por dia, em que o Iraque detém uma quota de 11 por cento.

Segundo dados da empresa estatal iraquiana responsável pelas exportações, possui uma das cinco maiores reservas mundiais de petróleo, exportou cerca de 2.991 milhões de barris por dia até Maio, tendo o valor aumentado nos meses seguintes até aos 3.300 milhões de barris/dia em Setembro.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia