Regiões

IGAE regista primeiro caso de extorsão

A Inspecção Geral da Administração do Estado (IGAE) registou o primeiro caso de extorsão de valores monetários na província do Bié, praticado por uma funcionária pública, pertencente ao Instituto Geográfico e Cadastral de Angola (IGCA).

24/11/2021  Última atualização 09H40
© Fotografia por: DR
O caso ocorreu na passada sexta-feira, quando a agente pública foi flagrada a extorquir valores monetários a um cidadão, que procurava por serviços naquela instituição.

A informação foi avançada hoje à imprensa local, pela delegada provincial do Bié da Inspecção Geral de Administração do Estado (IGAE), Elsa Cristina Paulo Neto, tendo realçado ser o primeiro caso do género nesta província, desde que foi implementado os serviços da IGAE nesta região, em Julho do ano em curso.

A responsável referiu que a cidadã em causa foi já entregue ao Serviço de Investigação Criminal (SIC), para os devidos procedimentos.

Esta prática, segundo a delegada da IGAE, constitui uma conduta desviante, que todos os servidores públicos devem se abster, sob pena de serem processados.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões