Regiões

Hospital do Lubango melhora assistência

Estanislau Costa

Jornalista

A qualidade de serviços no Hospital Geral do Lubango, na província da Huíla, continua a melhorar, devido, sobretudo, ao reforço de pessoal qualificado, aquisição de equipamentos modernos e medicamentos essenciais.

30/08/2022  Última atualização 07H55
Malária entre os casos mais registados no final de semana © Fotografia por: Estanislau Costa Huíla | Edições Novembro

Quem o diz é o director dos Serviços de Urgência do Hospital Geral do Lubango, Aurélio Joaquim, quando fazia o balanço das ocorrências registadas durante o final de semana.

Durante o período em referência, foram registados 241 casos, um dos quais terminou em óbito, tendo sido internados 33 pacientes.

Aurélio Joaquim fez saber que a maior parte de casos registados durante o final de semana são de malária, intoxicação alimentar, consumo excessivo de álcool, agressões físicas e acidentes de viação.

Aconselhou a população no sentido de procurar as unidades sanitárias logo após os primeiros sintomas de doença e a evitar a automedicação.  

Por outro lado, a directora do Hospital Geral do Lubango, Lina Antunes, disse à nossa reportagem que mais de 300 pacientes com tumores receberam assistência médica e medicamentosa, de Janeiro a Junho do corrente ano. 

Acrescentou que o que despertou a atenção da equipa clínica é o aumento de casos de tumores no cérebro e nos intestinos e de cancros da próstata e do útero. 

Defendeu a aquisição de mais meios para se detectar com rapidez e precisão casos de cancro, acrescentando que há contactos avançados com o Ministério da Saúde. 

Garantiu que o Ministério da Saúde pretende transformar o Hospital Geral do Lubango em unidade oncológica, para evitar que pacientes e familiares tenham que recorrer a unidades sanitárias de Oshakati e Windhoek, na República da Namíbia.   



Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões