Cultura

Guitarristas animam hoje concerto Jam`s Kielas

Analtino Santos

Jornalista

O Duo Tona, integrado pelos guitarristas Ismael Suama e Nsangu Nza Za, actua hoje, a partir das 18h00, na livraria Kiela, no concerto “Jam`s Kiela”, no qual os artistas farão uma incursão pelo jazz contemporâneo e fusão ao universo rural africano, apresentando temas próprios e de guitarristas que os inspiraram nos processos criativos.

22/04/2022  Última atualização 14H47
Guitarrista Ismael Suama e Nsangu Nza Za actuam esta noite © Fotografia por: Agostinho narciso | edições novembro

Os dois guitarristas têm tocado em vários projectos de jazz e de outros estilos musicais, o que lhes possibilita trabalhar com os principais nomes da cena musical nacional.

A livraria Kiela tem realizado uma série de actividades culturais, sendo as Jam`s Kiela - os pockets shows - (concertos intimistas) uma das marcas e tem levado artistas emergentes e alguns consagrados. O espaço está localizado na Maianga e tem uma parceria com a produtora Geração 80, que no mesmo local realiza Sessões de Cinema à quinta-feira.

Ismael Suama é guitarrista nascido em Luanda, onde começou A aprendizagem da guitarra. Logo despertou o  desejo em compreender de forma aprofundada o que ouvia e tocava. Este desejo levou-o a estudar música e guitarra.  Foi durante uma formação com o percussionista cubano Ivan Campilo, na antiga Academia de  Luanda,  que despertou a paixão.

Em França, frequentou a classe do saxofonista e compositor francês David Haudrechy, no Conservatoire de Musique et Danse de Montauban. Participou em vários grupos formados pelos estudantes dos conservatórios locais e Toulouse Jean-Jeaurès.

Nsangu Nza Za herdou a veia artística do lado materno, tendo sido directamente influenciado pelas canções entoadas pela mãe. Inicialmente, sentiu-se atraído por artistas consagrados como: Carlos Lopes, Teta Lando, Bob Marley, Stevie Wonder, Papa Wemba, Lokua Kanza, Salif Keita, Africando e, sobretudo, pela música gospel; numa fase posterior, a esses artistas juntou-se: Richard Bona, George Benson, Djavan e Jimmy Dludlu.

Como sinal dos primeiros passos artísticos, tocou tambor e reuniu alguns materiais metálicos, simulando uma bateria. Foi, posteriormente, influenciado para que aprendesse e tocasse uma bateria real na igreja.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura