Economia

Governador do BNA destaca sinais positivos de estabilidade

Bernardo Capita | Cabinda

Jornalista

O governador do Banco Nacional de Angola (BNA), José de Lima Massano, afirmou, sexta feira, em Cabinda, que a economia angolana, continua a “registar sinais positivos de estabilidade”, o que está a permitir manter estáveis os preços dos principais produtos básicos de consumo.

31/07/2022  Última atualização 12H33
José de Lima Massano falou à imprensa no fim da reunião do CPM © Fotografia por: Estanislau Costa | Lubango | Edições Novembro

José de Lima Massano, que falava à  imprensa no termo da reunião do Comité de Politica Monetária do BNA, realizada naquela cidade, disse que, apesar da incerteza e da volatilidade da economia mundial, o encontro recomendou prudência na condução de politica monetária, mantendo a  taxa básica de juros em 20 por cento, com o corte da taxa de juro da Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez de 25 para 23 por cento.

Segundo o governador do BNA, o Comité de Politica Monetária recomendou, ainda, manter a taxa de juros da Facilidade Permanente de Absorção de Liquidez em 15 por cento e reduzir o quoeficiente de reservas obrigatórias da moeda nacional de 19 para 17 por cento, conforme anunciado na sessão anterior, realizada no Lubango, Huíla.

José de Lima Massano assegurou que o ajustamento da taxa de cedência de liquidez, associada à redução do suficiente de reservas obrigatórias vai contribuir para o desagravamento de custos de intermediação financeira, sem que, no entanto, se altere a trajectória de redução de inflação que se observa no país, desde o início do presente exercício económico.

Quanto à economia internacional, o governador José de Lima Massano informou que o dado mais relevante prende-se com o anúncio feito, terça-feira última, pelo Fundo Monetário Internacional), das previsões de crescimento para o presente exercício.

De acordo com José de Lima Massano, a revisão em causa foi feita em baixa, pelo que estima-se que a economia mundial venha a crescer, este ano, 3,2 por cento, contra os 3,6 que se previam inicialmente.

À margem da reunião do Comité de Politica Monetária do BNA, o governador José de Lima Massano procedeu a reinauguração das instalações Regionais do BNA em Cabinda.          

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia