Economia

Gestores prometem cumprir metas de produção

Regina Handa

O ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Pedro Azevedo, disse, quarta-feira, em Luanda, que os Conselhos de Administração da Endiama e Sodiam têm como objectivo atingir as metas de produção que vão estar descritas no Plano de Desenvolvimento Nacional para o período 2023-2027.

01/12/2022  Última atualização 07H10
Gestores prometem cumprir metas de produção © Fotografia por: Vigas da Purificação | Edições Novembro

Esta perspectiva foi avançada na cerimónia de tomada de posse dos novos membros das respectivas empresas, recentemente nomeados.

O ministro disse que estas metas de produção são bastante elevadas num contexto de mercado internacional difícil, mas é um desafio que o sector está lançar para o aumento da produção nacional. Avançou que outro grande desafio para o novo conselho é de dar continuidade a instalação de fábricas de lapidação no Pólo de Desenvolvimento de Saurimo e o de continuar com mais acutilância o processo de formação dos jovens, essencialmente a formação técnica e profissional.

Conforme reiterou o ministro Diamantrino Azevedo, o Ministério conta com a escola de lapidação, que funciona em Saurimo e a escola técnica profissional da Endiama, além de outras existentes no país.

"Queremos, com mais fábricas de lapidação, aumentar a quantidade de diamantes lapidados em Angola e, a juntar a essas metas produtivas, a garantia de maior inserção de empresários angolanos na actividade produtiva, fundamentalmente na semi-industrial e garantir que todas as empresas, que actuam na actividade diamantífera se prontifiquem a realizar projectos sociais”, disse o ministro Diamantino Pedro Azevedo.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia