Cultura

Fragata de Morais interage hoje com leitores

Manuel Albano |

Jornalista

O percurso literário do escritor Fragata de Morais vai estar em destaque nesta edição do projecto cultural “Clube do livro do Rangel”, que acontece hoje, às 16h00, no auditório da Casa da Cultura Njinga A Mbande, em Luanda.

25/11/2021  Última atualização 08H45
Vida e obra do escritor é analisada hoje por leitores no Rangel © Fotografia por: DR
A directora do espaço, Patrícia Faria, disse, quarta-feira (24), ao Jornal de Angola,  que o "Clube do Livro do Rangel” retorna às actividades artísticas e culturais depois de algum tempo canceladas, devido a Covid-19.

O jornalista Raimundo Salvador é o moderador desta edição, feita para trazer um diálogo entre o escritor com  os estudantes e amantes da literatura angolana. Para o debate de hoje, adiantou Patrícia Faria, além da interacção e da divulgação da vida e obra do escritor, está previsto um momento para a recepção de livros a serem colocados no acervo bibliográfico da Casa da Cultura Njinga A Mbande.


Iniciativas

Esta semana, o programa de actividades do espaço inclui, ainda, a realização, amanhã, às 16h00, de um debate sobre "Os instrumentos musicais tradicionais na génese do semba”, com a participação dos percussionistas Mestre Kituxi e Jorge Mulumba.

Esta actividade, explicou Patrícia Faria, está inserida no projecto "Tem um Semba em Todo Canto”. "Convidamos dois exímios executantes de instrumentos tradicionais, a falarem sobre a influência da dikanza, puita, bate-bate e hungo para a afirmação do semba”, continuou.

Mestre Kituxi é o fundador do emblemático Grupo Kituxi, em 1980, cujo trajecto artístico o levou por palcos em várias partes do mundo e o talento o fez ser integrante de outras formações de música. O percussionista Jorge Mulumba, que também é construtor de instrumentos tradicionais, é o fundador do extinto Trio Girassol e do grupo de música tradicional Nguami Maka.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura