Política

Formalizada Frente Patriótica Unida

A UNITA, Bloco Democrático e PRA-JÁ Servir Angola assinaram esta terça-feira (5) os documentos que formalizam a criação de uma Frente Patriótica Unida para concorrer nas eleições gerais de 2022.

05/10/2021  Última atualização 13H03
© Fotografia por: DR

Rubricaram o acordo Filomeno Vieira Lopes, presidente do Bloco Democrático, Abel Chivukuvuku do projeto político PRA JÁ Servir Angola e o presidente da (UNITA, Adalberto da Costa Júnior que vai encabeçar a plataforma eleitoral.

A Frente Patriótica Unida apresentou-se como uma plataforma político eleitoral "ad hoc” que congrega todos os cidadãos nacionais colectivos ou individuais, dentro ou fora de Angola, para realizar a alternância democrática do poder político.

Conforme o acordo hoje assinado, os partidos políticos e organizações que vão concorrer às eleições gerais mantêm a sua identidade própria, sendo a plataforma liderada por Adalberto da Costa Júnior, coadjuvado por Abel Chivukuvuku, que também já foi dirigente da UNITA, e Filomeno Vieira Lopes.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política