Política

FNLA e Partido Humanista apresentam candidaturas

Garrido Fragoso

O Partido Humanista de Angola (PHA), liderado pela única mulher a se perfilar para concorrer às Eleições Gerais de 24 de Agosto, procedeu, quinta-feira, a entrega da candidatura ao Tribunal Constitucional (TC), um momento que deve ficar na memória dos angolanos, por remeter para um período histórico protagonizado por Anália de Victória Pereira, quando se apresentou às primeiras eleições, em 1992, que abriram o país para o Estado Democrático e de Direito.

24/06/2022  Última atualização 11H03
Partido Humanista está confiante na aprovação da candidatura pelo Tribunal Constitucional © Fotografia por: MARIA AUGUSTA|EDIÇÕES NOVEMBRO
Florbela Maquias, líder do Partido Humanista de Angola, é uma figura do Jornalismo angolano, com passagem pela UNITA, de onde levou memórias tristes, de que não se orgulha, uma confissão partilhada com os angolanos e a comunidade internacional na sua obra "Heroínas da Dignid...

Conteúdo exclusivo. Cadastre-se ou Inicie sessão para continuar a ler.

FAÇA LOGIN

Política