Cultura

Fenómeno religioso é tema de drama

Manuel Albano

Jornalista

“Fiéis e Infiéis” é o título do espectáculo dramático que o grupo Jovens da Mulemba apresenta hoje, às 16h00, no anfiteatro Wyza, da Fundação Arte e Cultura, na Ilha de Luanda, para analisar com o público as consequências do fenómeno religioso na sociedade angolana.

09/07/2021  Última atualização 09H00
Grupo tem retratado vários aspectos socioculturais © Fotografia por: DR
O espectáculo aborda, de forma crítica, a mercantilização da fé e ainda a questão da "teologia da prosperidade”. O director artístico do grupo, António Kapangu, disse, ontem, ao Jornal de Angola, que o objectivo é criticar a tendência de algumas seitas de associar o pagamento do dízimo aos principais veículos do estreitamento da relação com Deus, na qual os responsáveis vivem no luxo e os fiéis numa autêntica indigência.
A peça, alertou, traz, também, uma reflexão sobre as questões metafísicas que têm um impacto directo e histórico com a humanidade, como a verticalidade ética e a rectidão do fiel face às crises que podem corromper a fé do indivíduo.O grupo de teatro Jovens da Mulemba foi fundado em 2011. Inicialmente preenchia as actividades do projecto "Poesia na Mulemba”.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura