Economia

Feira da Caála com negócios superiores a 33 milhões

Estácio Camassete | Huambo

Jornalista

A feira comercial realizada no mês de Julho, em alusão aos 52 anos da fundação da vila municipal da Caála resultou em transacções avaliadas em 33,54 milhões de kwanzas, mercê das vendas ocorridas entre expositores das comunas da sede, Calenga, Catata e Cuima.

31/07/2022  Última atualização 12H17
Feira Comercial da Caála atrai dezenas de vendedores © Fotografia por: DR

O certame congregou perto de 70 feirantes e, ao longo dos trinta dias, passaram pela maior bancada comercial do município mais de 35 mil clientes bem como foi realizado um torneio desportivo denominado "Rainha do milho", nas modalidades de basquetebol, pesca e bilhar que premiou com taças os finalistas.

Foram homenageadas, durante o evento, distintas individualidades que deram o seu máximo para o desenvolvimento do município, em todos os sectores da vida socioeconómica pública e privada.

O administrador da Caála, Rúben Etome, destacou, ao falar no fim da feira, o nível de desenvolvimento alcançado nos últimos anos pelo município, o que inclui a centralidade Faustino Muteka, escolas, centros e postos de saúde, bem como o Pólo Industrial da Caála, consideradas como infra-estruturas que contribuíram para o crescimento na antiga vila Robert William.

O responsável elogiou, igualmente, os programas de combate à pobreza como o PIIM, PRODESI, MOSAP II e PAPE, vinculados ao Plano Nacional de Desenvolvimento 2018/2022, que estando a ajudar e a mudar a vida das pessoas nas suas comunidades.

Rúben Etome pediu que cada munícipe empreenda e desempenhe com zelo e dedicação a sua actividade, visando o crescimento do município, exortando, também, a que cada um seja um vigilante contra as acções de vandalismo dos bens e serviços que o Estado colocou à disposição, fazendo que a cidade continue iluminada, limpa e um bom lugar para se viver.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia