Sociedade

Feira da batata-doce estimula aumento da produção agrícola

A II edição da feira da batata-doce, aberta está quinta-feira, no município de Cacuso, em Malange, vem estimular o aumento da produção do tubérculo e outros produtos agrícolas na região, face a oportunidade que o evento traz para o escoamento dos excedentes.

17/06/2022  Última atualização 07H35
Batata-doce © Fotografia por: DR

O evento está a demonstrar a capacidade que os camponeses, as associações e cooperativas agrícolas têm na produção de culturas alimentares, através da agricultura familiar, cujas cifras podem se considerar suficientes para abastecer a província.

Essa apreciação foi feita pelo governador de Malanje, Norberto dos Santos "Kwata Kanawa”, na abertura da referida feira, tendo referido que o município tem um potencial considerável no domínio agrícola.

Além do cultivo, destacou que o município vem se despontando também na transformação dos produtos, tendo apelado ao sector privado no sentido de continuar a investir no domínio da agricultura, em Cacuso e noutros pontos da província.

Por sua vez, a administradora municipal de Cacuso, Joana de Matos frisou que os pequenos produtores do município são responsáveis pela produção agrícola e sustento das famílias locais, daí a necessidade da aposta na agricultura mecanizada, com vista a se aumentar cada vez mais a produtividade.

Apontou a melhoria das vias de acesso aos campos de cultivo, como uma forma de facilitar a implementação da mecanização agrícola, bem como o aumento da produção e consequente escoamento.

Essa pretensão, realçou, será concretizada a partir deste ano, cujos projectos estão inscritos no Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), que abrange a reabilitação de estradas secundárias e terciárias.

A feira conta com a participação de 70 expositores, que durante três dias vão expor e comercializar diversas variedades de batata-doce e outros tubérculos, bem como hortícolas e outras culturas alimentares.

A mesma visa a promoção de negócios e atraccão de investidores e para além de produtos agrícolas, conta também com a exposição e venda de materiais de artes, cultura e turismo, numa promoção da administração municipal de Cacuso.

O evento culminou com a entrega de 27 kits de agricultura, corte e costura, manicure e pedicure, serralharia, pastelaria e outros, no âmbito do Programa de Apoio a Promoção da Empregabilidade (PAPE) e um workshop sobre a batata-doce, sua importância sócio-economica  e políticas de crédito de apoio a produção.

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade