Economia

Exportações dos países lusófonos sobem 45,9 por cento

As exportações de mercadorias dos países lusófonos para Macau, nos primeiros dez meses do ano, subiram 45,9 por cento, em comparação com igual período de 2021, indicam dados oficiais hoje divulgados.

30/11/2022  Última atualização 10H42
Exportações dos países lusófonos sobem 45,9 por cento © Fotografia por: DR

O valor exportado pelos países de língua portuguesa para a região administrativa especial chinesa entre Janeiro e Outubro deste ano foi de 838 milhões de patacas (cerca de 100 milhões de euros), de acordo com um comunicado da Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC).

Já o montante importado de mercadorias de Macau pelo bloco lusófono desceu 74,2 por cento em termos anuais, no valor de dois milhões de patacas (239 mil euros).

A balança comercial de Outubro registou um défice de 11,5 mil milhões de patacas (1,3 mil milhões euros), referiu a DSEC.

Entre Janeiro e Outubro deste ano, os valores da exportação atingiram 11,2 mil milhões de patacas (1,3 mil milhões de euros), ou seja, mais 5,1 por cento do que no mesmo período do ano passado, e o valor da importação de mercadorias alcançou 115 mil milhões de patacas (13,7 mil milhões de euros), numa queda de 6,9 em termos anuais.

O défice da balança comercial nos dez primeiros meses de 2022 cifrou-se em 103,7 mil milhões de patacas (12,4 mil milhões euros), menos 9,1 mil milhões de patacas (cerca de mil milhões de euros) face ao período homólogo do ano transacto, acrescentou a DSEC.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia