Cultura

Expo Dubai distingue a língua portuguesa

O Festival da Lusofonia que se realizou entre quinta-feira e sábado foi uma das principais atracções da EXPO Dubai 2020, reunindo artistas de Angola, Brasil, Cabo Ver de, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Timor-Leste e Portugal.

19/10/2021  Última atualização 04H25
© Fotografia por: DR
O evento teve lugar no principal recinto deespectáculos da exposição e homenageou a língua portuguesa falada por mais de 260 milhões de pessoas em cinco continentes. O certame assumiu-se como  mais uma oportunidade para internacionalização da música e dança lusófona, num ano em que a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) comemora 25 anos.

O Festival da Lusofonia foi uma iniciativa de Angola e Portugal, países que estiveram à frente da organização do evento, que durante três dias juntou turistas dos 192 países participantes em dos principais palcos da Expo Dubai 2020.

Angola esteve representada  por vários artistas, entre eles Duo Angola Classical, Guilherme Mampuya, Daniel Nascimento, Calabeto, Sara Saka, Heroide Prazeres entre outros.
A Comissão Interministerial de Angola para a EXPO Dubai, apesar de ter providenciado todas as condições ao seu alcance, acordadas entre ambas as partes, para garantir a presença dos artistas convidados no evento, infelizmente por motivos alheios à mesma Comissão, a cantora Ary uma presença inicialmente confirmada, com o seu visto e bilhete emitidos, não se fez presente para participar no  Festival, justificando a sua ausência com o facto de o visto do seu "manager” não ter sido emitido atempadamente.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura