Sociedade

Ex-procurador militar morto por desconhecidos

O ex-procurador militar do Cuanza-Sul, coronel António Ferro de Faria, foi assassinado, por volta das cinco horas da manhã desta quarta-feira, por indivíduos desconhecidos, na Marginal do Sumbe, quando fazia exercícios físicos.

12/05/2022  Última atualização 08H55
© Fotografia por: DR

Dados preliminares apurados junto de familiares dão conta que a vítima foi interceptada por marginais, na tentativa de se apoderarem de seus pertences, mas ao reagir foi esfaqueado.

Depois do ocorrido, os agressores meteram-se em fuga, tendo a vítima ainda sido transportada por transeuntes até ao Hospital Geral 17 de Setembro do Sumbe, onde acabou por morrer.

Até ao fim da redacção deste texto, não havia qualquer pronunciamento do Serviço de Investigação Criminal (SIC), para o devido esclarecimento do caso, mas sabe-se que o corpo do coronel se encontra na morgue do Hospital Geral do Sumbe.

O coronel na reforma António Ferro Faria exerceu o cargo de procurador militar da província do Cuanza-Sul, entre os 2003 e 2013. Depois de terminar o mandato, foi colocado em Benguela, onde chegou a jubilado.

Nascido a 5 de Fevereiro de 1958, António Ferra Faria, natural da Gabela, província do Cuanza-Sul, deixa viúva e sete filhos.  

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade