Coronavírus

EUA doam mais vacinas para reforçar combate à pandemia em Angola

Angola recebeu dos Estados Unidos da América (EUA) 464.090 doses da vacina Pfizer contra a Covid-19, no quadro da iniciativa Covax “com o objectivo único objectivo de salvar”.

26/09/2021  Última atualização 16H23
© Fotografia por: CEDIDA

Segundo um comunicado da Embaixada dos Estados Unidos da América em Angola, as vacinas chegaram entre dos dias 24 e 26 deste mês e trata-se do terceiro lote e eleva o número total de doses da vacina Pfizer contra a Covid-19 fornecido a Angola pelos EUA para 1.646.960.

"Os Estados Unidos distribuíram mais de 1.610 milhões de doses de vacina para mais de 1.060 países. O compromisso de oferecer 500 milhões de doses adicionais da vacina Pfizer eleva o empenho global total dos EUA para mais de um bilhão de doses, e é mais uma prova do cumprimento do engajamento do presidente dos EUA, Joe Biden, de fortalecer a luta contra a pandemia a nível global”, lê-se no comunicado.

De acordo com a nota, que cita o Presidente Biden "os Estados Unidos estão empenhados em dar a mesma urgência aos esforços de vacinação internacional que demonstramos domesticamente. Estamos a compartilhar essas vacinas para salvar vidas e a liderar o mundo visando acabar com a pandemia".

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Coronavírus