Regiões

Escolas vão albergar mais de dois mil alunos

André Brandão | Ndalatando

As duas escolas de sete salas de aula cada, que estão em construção no município de Ngonguembo, província do Cuanza-Norte, no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios, apresentam um grau de execução física na ordem dos 60 por cento, disse o administrador local, Constantino Figueira.

22/06/2021  Última atualização 09H00
Localidade vai ter ainda este ano duas escolas primárias © Fotografia por: DR
Uma das  infra-estruturas, cuja inauguração está aprazada para Agosto próximo, orçada em 149 milhões de kwanzas, vai albergar oito mil e 575 alunos. Está a ser erguida na sede municipal, Quilombo dos Dembos. Já estão concluídas salas de reunião,  de aulas, gabinetes administrativos, casas de banho e pátio, faltando a colocação do tecto, portas e janelas, cuja inauguração está aprazada para Agosto próximo, segundo  Constantino Figueira.
O estabelecimento escolar, no valor de 164 milhões de kwanzas, está a ser construído na comuna de Camame. Ngonguembo é uma localidade pacata, que está remetida ao  isolamento,  porque o mau estado da via de 25 quilómetros, que a liga à comuna de Quiluanje, Golungo-Alto,  não permite a  circulação normal de viaturas naquele local.  "Em época chuvosa apenas   carros com tracção e camiões circulam naquela via”, disse o administrador.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões