Economia

Empresas nacionais na “Cidade das Soluções”

Cerca de 20 empresas angolanas podem participar numa feira profissional, denominada “Cidade das Soluções”, a decorrer, de 4 a 8 de Junho na cidade francesa de Bordéus, em paralelo com a Cimeira África-França, soube sexta-feira o Jornal de Angola de fonte oficial.

12/01/2020  Última atualização 18H33
DR

Um comunicado da Embaixada da França emitido para anunciar o certame, indica que a participação de empresas nacionais nesse evento está ser promovida pelo Clube de Empresários França-Angola (CEFA), em parceria com associações angolanas como a Confederação Empresarial Angola (CEA), Liga dos Empresários Angolanos (LIDE) e a Associação Industrial de Angola (AIA).
Na “Cidade das Soluções”, pelo menos 500 expositores africanos e franceses vão apresentar projectos para a solução dos problemas que as cidades enfrentam, num certame que se realiza à margem da Cimeira que decorre sob o lema “Cidade Sustentável”.
“Os empresários africanos e franceses estarão bem representados nessa Cimeira, especialmente no campo do desenvolvimento urbano”, refere a fonte, acrescentando que a feira profissional “Cidade das Soluções” é organizada em forma de sete bairros temáticos.
“Aceder aos serviços essenciais”, “Alimentar as cidades”, “ Ordenar e embelezar a cidade”, “Deslocar-se na cidade/visitar a cidade”, “Viver na cidade”, “Financiar e estruturar os projectos” e “Conectar a cidade” são os bairros temáticos eleitos para essa feira profissional.
Entre homens de negócios, lideres de instituições públicas e privadas e da alta finança, a organização espera receber, durante os três dias do certame, 15 mil visitantes de África e França. Encontros profissionais poderão ser organizados entre expositores e visitantes.
A França organiza um concurso, o “Challenge dos 1000”, para selecção de pequenas empresas e startups africanas que serão convidadas a apresentar os seus projectos durante a feira, com despesas pagas pelos promotores.
Na terça-feira, a Embaixada francesa organiza, em Luanda, uma reunião sobre o “Challenge dos 1000”, na qual serão transmitidas “informações e conselhos” sobre a melhor maneira de apresentação das candidaturas.
Em Novembro, a secretária-geral da Cimeira África-França 2020, embaixadora Stéphane Rivoal, esteve em Angola para apresentar o evento, que suscitou o interesse de representantes do poder institucional angolano, que se prevê que venha a marcar presença em Bordéus, assim como da classe empresarial, que já está em fase de mobilização para participar.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia