Economia

Empresários zambianos querem investir no sector da agricultura

Joaquim Suami

Jornalista

A vice-presidente da Câmara de Comércio e Indústria da Zâmbia, Christabel Ngongola Reinke, manifestou, esta quarta-feira, em Luanda, o interesse dos empresários zambianos em investirem, em Angola, no sector da agricultura, para o reforço da cooperação comercial, entre os dois países, no quadro do programa estratégico do Executivo de diversificação da economia nacional.

01/12/2022  Última atualização 07H20
Fórum Angola e Zâmbia foi uma promoção da AIPEX © Fotografia por: ARMANDO COSTA|EDIÇÕES NOVEMBRO

Christabel Reinke, que discursou no Fórum económico Angola-Zambia, que decorreu na sala de conferencias da Agência para o Investimento Privado e Promoção das Exportações de Angola (AIPEX), sob o lema "Oportunidades de negócios e novas parcerias privadas para reforçar a cooperação biteral”, apontou que, a par da agricultura, a Zâmbia quer, igualmente, investir nos sectores da industria transformadora, energia, mineração, construção, turismo, tecnologias de comunicação e informação (TIC) e na educação.

Para Christabel Reinke, o interesse dos zambianos em quererem investir em vários sectores económicos, deve-se ao facto de Angola ter-se tornado num destino privilegiado de investimento internacional e ter apostado no melhoramento das suas infra-estruturas rodoviárias, o que demonstra uma vantagem estratégica e competitiva de ser um portal global para o comércio em África e no mundo.

 

Facilidades de negócios

Assegurou que a Zâmbia continua a ser um dos melhores destinos de investimento em África, devido ao ambiente favorável de negócios existente no país, com vantagens recíprocas, tanto para o investidor local, como estrangeiro.

"O compromisso do Governo zambiano é estimular o fluxo de investimentos locais e estrangeiros, contando com uma economia de livre mercado avançada, sem controlos de preços e taxas de câmbio”, disse.

O presidente da Agência para o Investimento Privado e Promoção das Exportações de Angola (AIPEX), António Henrique da Silva, disse que, em Angola, as oportunidades de negócios são enormes para os empresários zambianos poderem manter parcerias de investimentos em benefícios dos dois países.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia