Política

Embaixadora Jovelina Imperial analisa situação de angolanos na Namíbia

A embaixadora de Angola na Namíbia, Jovelina Imperial, trabalhou, sábado, na cidade de Walvis Bay, Região de Erongo, a 395 quilómetros de Windhoek, para auscultar a comunidade angolana residente na localidade a Norte daquele país vizinho.

25/09/2023  Última atualização 06H00
Embaixadora Jovelina Imperial entregou cartões consulares © Fotografia por: DR

Um dos principais problemas que tem motivado reclamações é a falta de documentos que garantam a residência permanente na Namíbia, pois grande parte está em situação irregular.

Sobre este particular, a exemplo do que fez noutras regiões da Namíbia já visitadas pela diplomata, Jovelina Imperial manteve um encontro com o governador de Erongo, Naville Andre Itope, com quem abordou questões ligadas à integração e legalização da comunidade angolana em Walvis Bay.

Em comunicado, a Embaixada de Angola na Namíbia refere que "não é a primeira vez que Jovelina Imperial visita a comunidade angolana residente em Walvis Bay, a quem auscultou as preocupações, para além de proceder ao registo e actualização de cartões consulares, como já tem feito durante a sua missão”.

A deslocação da chefe da Missão Diplomática de Angola na Namíbia serviu, também, para levar bens de primeira necessidade aos compatriotas que residem na zona costeira daquele país vizinho, até porque "muitos angolanos se dedicam à pesca nesta região”.

Na Namíbia residem perto de cem mil angolanos. A embaixadora Jovelina Imperial fez saber que vai continuar a levar os serviços essenciais e auscultar as preocupações dos angolanos nas diferentes regiões daquela nação que partilha fronteira com o país.

Os problemas recorrentes da comunidade passam pela sua mitigação, junto das autoridades locais, no sentido de poder traçar um plano de acção conjunto, de modo que estes não tenham constrangimentos com a polícia de imigração, daí, segundo a Embaixada, a necessidade de atribuir e actualizar os cartões consulares.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política