Mundo

Detidos mais dois ex-ministros de Condé por suspeita de corrupção

Dois ex-líderes da República da Guiné, próximos ao ex-Presidente deposto Alpha Condé, foram, este domingo (01), presos por acusações de corrupção. "Amadou Damaro Camara e Lounceny Ca-mara acabam de ser presos", disse à imprensa o procurador especial do Tribunal de Repressão aos Delitos Económicos e Financeiros (Crief), Aly Touré, citado pela France Press (AFP).

02/05/2022  Última atualização 11H05
© Fotografia por: DR

Amadou Damaro Camara, ex-presidente da Assembleia Nacional,  Loucény Camara, ex-presidente da Comissão Nacional Eleitoral Independente (Céni) e o ex-ministro da Hotelaria e Turismo, foram acusados de "desvio de fundos públicos", enriquecimento ilegal, lavagem de dinheiro e corrupção",  segundo Touré.

Todos são membros proeminentes do Rassemblement du Peuple de Guinée (RPG), o partido de Condé. Estas detenções elevam para nove o número de ex-funcionários do Governo deposto.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo