Regiões

Detido no Uíge mauritaniano acusado de homicídio no Congo

Silvino Fortunato

A Interpol, através do Serviço de Investigação Criminal (SIC) e do Departamento de Operações, deteve um cidadão de nacionalidade mauritaniana, de 34 anos de idade, indiciado na prática de homicídio qualificado, ocorrido na República do Congo em que foi vítima um seu compatriota que em vida respondia pelo nome de Ahmed Cherif de 32 anos.

24/01/2023  Última atualização 10H06
SIC no Uíge teve sucesso ao capturar suspeito de assassinato © Fotografia por: DR

O porta-voz do SIC, Zacarias Fernando, que confirmou a detenção, na quarta-feira, explicou que o crime ocorreu no dia seis de Novembro de 2022, na cidade de Brazzaville, quando o acusado na companhia de outros dois suspeitos, já detidos, decidiram matar a vítima, após desentendimento, por causa de um negócio.

Depois da morte, os acusados apoderaram-se de todo o dinheiro do negócio que seria alvo de partilha com o falecido, tendo de seguida fugido para o território angolano, por via da República Democrática do Congo.

E fruto de um trabalho de inteligência criminal levado a cabo pelo Gabinete Nacional da Interpol em coordenação com o SIC e Serviço de Migração e Estrangeiros local, foi possível a detenção do implicado que se encontrava a monte, na província do Uíge.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões