Sociedade

Criança é embriagada e abusada sexualmente

André da Costa

Jornalista

A Polícia Nacional deteve, há dias, na Catumbela (Benguela), um jovem de 25 anos, por supostamente ter abusado sexualmente uma menor de 14 anos, depois de a embriagar.

28/09/2021  Última atualização 09H25
Panorâmica da sede da Catumbela onde ocorreu o crime © Fotografia por: DR
O comandante municipal da Polícia, superintendente Cesário Canuela, disse que o caso ocorreu no bairro do Luhongo, comuna da Gama, na via pública, quando o acusado, depois de embriagar a criança, levou-a a uma zona isolada. Explicou que a menor contou aos progenitores o sucedido e estes apresentaram queixa-crime, que culminou com a detenção do jovem.  

Ainda na Catumbela, outra menor de 14 anos foi, também, abusada sexualmente por um jovem de 17, no bairro da Rainha, no interior de uma obra inacabada. O facto ocorreu quando a menor que brincava na via pública pediu a um conhecido do bairro para a acompanhar e, no meio do trajecto, foi levada a uma obra inacabada, onde foi abusada sexualmente.

De Janeiro a Junho do corrente ano foram registados 97 crimes, dos quais 11 de natureza económica, segundo o comandante municipal da Polícia, que caracterizou de calma a situação da criminalidade. Dos 88 crimes de fórum comum, realce para 35 de furto, ofensas graves à integridade física, homicídio voluntário, abuso sexual de menores e ameaças.

Segundo o superintendente Cesário Canuela, a Polícia registou, ainda, desde Janeiro, dois casos de falsos enfermeiros, um de associação criminosa e outro de participação em rixas na via pública, criando desordem.

Os 11 crimes económicos registados estão relacionados com especulação, adulteração de bens alimentares e medicamentos, que permitiram a detenção de dez indivíduos, no interior de farmácias e estabelecimentos comerciais.
O comandante disse que os casos que ocorrem com mais frequência são os de consumo e venda de liamba, ofensas corporais, agressões físicas, bem como desavenças devido ao consumo exagerado de bebidas alcoólicas e drogas.  


 Acidentes

Em seis meses, a Polícia registou 47 acidentes de viação, que deixaram 12 mortos, 51 feridos e danos materiais avaliados em mais de 16 milhões de kwanzas.
Do número de acidentes, destaque para 13 atropelamentos, quatro colisões entre veículos automóveis,  duas colisões entre veículos automóveis e ciclomotores, dois choques contra obstáculo fixo, 25 colisões entre veículos automóveis e motorizadas, uma colisão entre veículo automóvel e uma locomotiva e queda livre de uma viatura, nas comunas da Gama, na sede da Catumbela e no Biópio.

O comandante municipal da Polícia disse que o número de efectivos, carros e motorizadas precisa de ser reforçado. Defende, também, a construção de um novo Comando Municipal da Polícia e esquadras na comuna da Catumbela e na Centralidade do Luhongo.  

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade