Economia

Cresce investimento directo estrangeiro na África do Sul

A África do Sul registou entradas de investimento directo estrangeiro de 53,8 biliões de rands (um rand equivale a 43,32 kwanzas) no segundo trimestre de 2023, acima das entradas de 0,5 bilião de rands no primeiro trimestre, segundo dados do banco central sul-africano divulgados ontem.

29/09/2023  Última atualização 11H51
Aquisição da Heineken influenciou desempenho © Fotografia por: DR
O Banco Central da África do Sul afirmou num Boletim Trimestral que a aquisição de uma empresa nacional de bebidas por uma empresa não residente contribuiu para o aumento.

A Heineken anunciou, em Abril, que havia concluído a compra da empresa de vinhos e sidras Distell.

A saída de investimento naquele período caiu para 4,6 mil milhões de rands, face aos 32 mil milhões de rands no trimestre anterior, informou o Boletim Trimestral.

Numa outra divulgação, a agência estatal de Estatística da África do Sul declarou, ontem,  que a inflação no produtor acelerou para 4,3 por cento em termos anuais, em Agosto, diante do aumento de 2,7 por cento de Julho.

Em base mensal, o índice de preços no produtor situou-se em 1,0 por cento em Agosto, face aos 0,2 pontos percentuais do mês anterior, informou o Statistics South Africa.

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia