Mundo

Covid-19: Tanzânia prepara campanha de vacinação

O Governo tanzaniano anunciou que está a preparar-se para iniciar em breve a sua campanha de vacinação contra a covid-19, num país que estava céptico em relação à doença provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2 até há poucos meses.

23/07/2021  Última atualização 20H12
© Fotografia por: DR

Numa declaração na quinta-feira (22) e hoje citada pela agência France-Presse (AFP), a ministra da Saúde, Dorothy Gwajima, disse que o Governo irá também proibir todos os "ajuntamentos desnecessários”.

O país da África Oriental esteve mais de um ano sem divulgar os seus números sobre a covid-19, desde Abril de 2020, ficando o balanço parado nos 509 casos e 16 mortes.

Hoje, Gwajima afirmou que só na quinta-feira foram registados 176 casos, elevando o total para 858 desde o início da terceira vaga, cuja data não especificou.

O Presidente John Magufuli que faleceu, oficialmente, devido a problemas cardíacos, desvalorizou regularmente a pandemia, dizendo que salvaria os tanzanianos através da oração.

A ministra da Saúde, que durante a liderança de Magufuli tinha promovido batidos de legumes para combater o vírus, disse agora que as vacinas estarão disponíveis em breve, mas sem especificar datas.

"Apelo a todos os cidadãos para que se preparem para a vacinação”, disse.

A nova Presidente da Tanzânia, Samia Suluhu Hassan, adotou uma visão contrária à de Magufuli, dizendo que "não é bom ignorar” a covid-19.

Desde que tomou posse, Suluhu Hassan criou um comité de especialistas para aconselhar o Governo sobre o tema e, em Julho, admitiu a presença de uma terceira vaga de covid-19 e disse que "não há nada a esconder”.

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo