Mundo

Covid-19: Governo cabo-verdiano encerra 21 estabelecimentos

“Na semana passada iniciámos uma intensa acção de fiscalização, principalmente no período nocturno, que teve como foco os bares e os estabelecimentos. Das acções de fiscalização, 21 estabelecimentos foram encerrados por falta de cumprimento das medidas sanitárias”, informou o presidente do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPCB), Renaldo Rodrigues.

09/07/2020  Última atualização 09H04

O responsável foi à habitual conferência de imprensa sobre a Covid-19 no país, na cidade da Praia, na sequência da aprovação de uma resolução com directivas de fiscalização das condições gerais de segurança sanitária.

Segundo o presidente, há várias semanas que a Protecção Civil, em coordenação com as demais forças de segurança, tem vindo a realizar acções nos bairros da cidade da Praia e noutros municípios do país, com o intuito de sensibilizar e informar as pessoas e operadores económicos no tocante às medidas de higiene que terão de adoptar. Com a entrada em vigor da resolução governamental, Re-naldo Rodrigues avançou que o país entrou numa “nova fase”, de fiscalização e de rigor no cumprimento das orientações sanitárias.

“Posso avançar que nesta fase, das acções que temos realizado no terreno, é lamentável porque a maior parte dos operadores económicos não estão a cumprir as medidas sanitárias impostas, não é só as pessoas, as empresas também não têm cumprido, daí que se impõe nesta fase aumentarmos o rigor, fazendo com que as recomendações sanitárias sejam cumpridas”, explicou.

O presidente do SNPCB referiu que os 21 estabelecimentos encerrados não cumpriam com várias medidas, tendo sido constatado sobrelotação de espaço, bares abertos fora do horário normal de funcionamento.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo