Cultura

Corais Metodistas promovem estilos

Manuel Albano

Jornalista

A valorização dos mais variados estilos tradicionais com destaque para o kilapanga é o foco do Festival “Eu Canto Metodismo”, cujo encerramento acontece no domingo, a partir das 15h00, no Centro de Conferências de Belas, em Luanda.

12/05/2022  Última atualização 11H10
Grupos corais da Igreja Metodista vão promover cânticos © Fotografia por: DR

O festival de canto, que conta com mais de mil vozes de vários grupos corais metodistas do país, é um dos pontos altos das comemorações do 137º aniversário do Metodismo em Angola, assinalados a 18 de Março, informou, ontem, em Luanda, o director do projecto, Manuel Fiel.

A primeira fase do festival, disse, aconteceu de forma simultânea de 21 a 27 de Março, em várias paróquias da mesma igreja, na capital do país.

A ideia, continuou, é celebrar o amor ao próximo, a compaixão, o respeito pelas diferenças e criar maior proximidade entre os grupos corais locais.

Para esta edição, reforçou, os grupos participantes vão promover cânticos nas mais variadas línguas nacionais, como kimbundu, umbundu e cokwe, durante três horas de espectáculo.

O próximo ano, disse, a segunda edição do festival vai privilegiar somente grupos corais femininos. "Queremos dar mais espaço para a diversidade e ajudar as cantoras destes corais a terem maior protagonismo. É uma oportunidade de vermos o talento de muitas destas cantoras”, referiu.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura