Política

Cooperativas de ex-militares recebem tractores e alfaias

Víctor Pedro|Sumbe

Três cooperativas agrícolas de ex-militares denominadas Mana Mutengue, 26 de Novembro e Kafuca Gonbe, dos municípios da Cela, da Conda e Porto-Amboim, na província do Cuanza-Sul, beneficiaram de um tractor cada e as respectivas alfaias, no âmbito do programa de entrega de 500 tractores orientado pelo Presidente da República. O acto de entrega das máquinas de-correu no município do Ebo e foi orientado pelo secretário de Estado para a Acção Social, Lúcio do Amaral.

23/06/2021  Última atualização 05H50
© Fotografia por: DR
Segundo Lúcio do Amaral, o gesto do Executivo tem como objectivo apoiar os ex-militares organizados em cooperativas e potenciá-los com meios e imputs agrícolas para que, através da agricultura, possam aumentar os níveis de produção.


A ideia deste apoio, disse, é incentivar os ex-militares a terem maior capacidade económica, por forma a contribuírem na promoção do auto emprego, diversificação da economia, criação de mais renda familiar e dar emprego a outras pessoas.

O representante da cooperativa de ex-militares Mana Mutengue, do município da Cela, Costa Luís, agradeceu o gesto do Executivo e garantiu que os associados vão trabalhar com empenho para aumentar a produção.

"A ideia, com o meio recebido, é apostar na produção de cereais", sublinhou.

Costa Luís apontou como dificuldades primárias da cooperativa a falta de fertilizantes e insecticidas.
O representante da cooperativa de ex-militares 26 de Novembro, do município da Conda, Araújo Julho, saudou o gesto do Executivo, sublinhando que a cooperativa vai aumentar a produção de cereais e diversificar as culturas.

Manuel Silvério, representante da cooperativa de ex–militares Kafuca Gombe, do município de Porto-Amboim, disse que o gesto demonstra a preocupação que o Executivo tem com a situação de vulnerabilidade que os ex-militares enfrentam.

O acto foi testemunhado pelo vice-governador para o Sector Técnico e Infra-estruturas do Cuanza-Sul, Domingos Bambe, que apelou aos beneficiários a fazerem um melhor e bom proveito dos meios, para estimular a actividades a agrícola na província.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política