Política

Conflito entre RDC e Rwanda traz enviado da ONU a Luanda

O ministro das Relações Exteriores, Téte António, recebeu, na noite de ontem, em Luanda, o enviado especial do Secretário-Geral da Nações Unidas para a Região dos Grandes Lagos, Huang Xia, com quem abordou o momento político actual na região, com particular atenção para a República Democrática do Congo (RDC) e o Rwanda.

23/06/2022  Última atualização 09H30
© Fotografia por: DR

De acordo com uma nota do Ministério das Relações Exteriores, o encontro, testemunhado pela coordenadora da ONU em Angola, Zahira Virani, foi, igualmente, aproveitada para as duas entidades falarem do papel que o país tem desempenhado neste dossier, na qualidade de presidente em exercício da Conferência Internacional da Região dos Grandes Lagos (CIRGL).

O ministro Téte António esteve acompanhado pelos embaixadores Miguel Bembe, director da Direcção África, Médio Oriente e Organizações Regionais, e Jacinto Rangel, director para os Assuntos Multilaterais, além dos consultores Desiré Zinga e Márcio Burity.

O enviado especial do Secretário-Geral da ONU para a Região dos Grandes Lagos chegou na tarde de ontem a Luanda para manter contactos com as autoridades angolanas, no âmbito do clima político que se vive entre a RDC e o Rwanda.

Mais um encontro

Ainda ontem, o ministro das Relações Exteriores, Téte António, recebeu no princípio da noite de ontem, em Luanda, os embaixadores do Egipto, França e Rwanda, respectivamente, Mohamed Safwat Atta, Daniel Vosgien e Wellars Gasamagera, com os quais tratou de bilateralismo e multilateralismo.

Uma nota do Ministério das Relações Exteriores refere que os três embaixadores acreditados em Angola foram recebidos em audiência colectiva para tratar com o chefe da diplomacia angolana assuntos ligados com o bilateralismo, além de questões relacionadas ao multilateralismo.

No essencial, segundo um comunicado do Ministério das Relações Exteriores, foram, igualmente, abordados assuntos referentes à possível adesão de Angola como membro de júri da Francofonia e a eventual participação do país na reunião da Comunidade Francófona, em Novembro próximo, na Tunísia.

A francofonia é a comunidade linguística que en-globa todos os países ou territórios falantes do francês. A comunidade tem como missão promover a língua francesa e a diversidade cultural e linguística, paz, democracia e os direitos humanos, apoiar a educação, formação, ensino superior e pesquisa, bem como a cooperação económica para o desenvolvimento sustentável.

Cooperação com a Argentina

Ainda ontem, a secretária de Estado para as Relações Exteriores e o embaixador da Ar-gentina, Alejandro Verdier, abordaram, em Luanda, questões ligadas à cooperação bilateral nos domínios agro-pecuários e económicos.

De acordo com uma nota do Ministério das Relações Exteriores, durante a audi-ência, as duas individualidades trataram, igualmente, assuntos de interesse comum, com particular destaque para o quadro do reforço de cooperação nos mais variados domínios.

A ocasião foi aproveitada pelo embaixador Alejandro Verdier oferecer chocolates já produzidos em Angola pela fábrica argentina Dulceria Nacional.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política