Mundo

Condenado ataque a hotel em Mogadíscio

A Missão de Transição da União Africana na Somália (ATMIS) condenou, esta quarta-feira, nos "termos mais veementes" o "hediondo" ataque de extremistas islâmicos do grupo Al-Shabab a um hotel em Mogadíscio, no último domingo, em que morreram 15 pessoas.

01/12/2022  Última atualização 06H00
Condenado ataque a hotel em Mogadíscio © Fotografia por: DR

"O cerco atroz e o ataque indicam a derrota dos terroristas nos campos de batalha, onde as Forças de Segurança da Somália (SSF) continuam a infligir pesadas perdas ao Al-Shabab e a recuperar grandes extensões de território anteriormente controladas pelos terroristas", afirmou Mohamed El-Amine Souef.

 Mohamed Souef é o embaixador das Comores que lidera a ATMIS, citado numa nota divulgada ontem pela Missão da União Africana.

  Em Outubro, 120 pessoas foram mortas em dois atentados com carros armadilhados num cruzamento rodoviário em Mogadíscio, num ataque não reivindicado, mas atribuído ao Al-Shabab, que se opõe ao Governo Federal da Somália, apoiado por Forças de Manutenção da Paz da União Africana.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo