Regiões

Complexo residencial aberto a professores e enfermeiros na comuna do Môngua

Adelaide Mualimusi | Ondjiva

Jornalista

Um complexo residencial para professores e enfermeiros foi inaugurado, sábado (12), na comuna de Môngua, município do Cuanhama, pela governadora do Cunene, Gerdina Didalelwa, no quadro das comemorações do 11 de Novembro, Dia da Independência Nacional.

13/11/2022  Última atualização 06H35
© Fotografia por: DR

Construído no âmbito do Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), o complexo conta com dez apartamentos isolados do tipo T1, com capacidade para albergar mais de 30 profissionais dos sectores da Educação e Saúde.

Orçado em mais de 146 milhões de kwanzas, o equipamento vai ser erguido para melhorar as condições de acomodação dos professores e enfermeiros, bem como encurtar a distância que separava a zona residencial dos funcionários públicos aos postos de trabalho na comuna de Môngua.

A governadora Gerdina Didalelwa avançou que o Executivo, por meio de várias acções, com destaque para as enquadradas no  PIIM, para garantir o desenvolvimento dos municípios, e o Programa de Acção para a Promoção de Empregabilidade (PAPE), com vista a capacitar os jovens e dar ferramentas que fomentem a criação de empregos.

A governante referiu que os resultados destes programas são visíveis, fundamentalmente nos sectores da Educação, Saúde, Energia e Águas. "Temos imponentes canais adutores de água e de barragens nas duas margens do rio Cunene, todas viradas ao combate à seca”, reforçou.

O PIIM, no Cuanhama, conta com 12 projectos avaliados em mais de mil milhões de kwanzas.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões