Desporto

Com a qualificação assegurada Portugal defronta Coreia do Sul

António de Brito

Portugal defronta hoje a Coreia do Sul, às16h00, no Estádio da Educação, em Al Rayyan, para a terceira e última jornada do Grupo H do Campeonato do Mundo de Futebol, a decorrer no Qatar, com o declarado objectivo de vencer, após o apuramento antecipado para os oitavos-de-final da competição.

02/12/2022  Última atualização 06H55
Portugal já qualificado para os “oitavos” tenta a terceira vitória hoje diante da Coreia do Sul © Fotografia por: DR

Depois das vitórias sobre o Ghana e Uruguai, o "onze” nacional português procura no terceiro desafio diante da selecção asiática dar sequência a senda de bons resultados, de modo a fechar à fase de grupos em beleza. 

Colocada entre as selecções candidatas à conquista do ceptro, Portugal é claramente favorita, depois de ter contornado dois adversários difíceis, Ghana (3-2) e Uruguai (2-0), a Coreia do Sul tem poucas possibilidades ou nenhuma para suplantar o combinado treinado, pelo engenheiro de profissão Fernando Santos, emprestado ao futebol. 

Após o empate com o Uruguai e derrota frente ao Ghana, a Coreia do Sul tem mais um jogo de elevado grau de dificuldade, pois reencontra um Portugal super-motivado e determinado em fazer o pleno na fase regular da prova, com intuito de totalizar nove pontos 

No confronto com os sul-coreanos, o seleccionador Fernando Santos espera apresentar o "onze”, que utilizou nos dois últimos encontros com o Ghana e Uruguai, porque em campeonatos do mundo não há selecções fáceis, daí a necessidade imperiosa de lançar para as quatro linhas uma equipa competitiva e capaz de lograr os três pontos em disputa. 

Apesar de Cristiano Ronaldo não estar em plena forma desportiva, por falta de ritmo competitivo, mas Portugal tem uma legião de jogadores que fazem a diferença, como são os casos de Bruno Fernandes, João Félix, Rafael Leão, João Mário, André Silva,Vitinha e Matheus Nunes.  

Este é nono jogo oficial entre Portugal e Coreia do Sul, com supremacia da selecção das quinas, com saldo de seis vitórias e dois empates.  

Os tugas detêm até então a maior goleada sobre o conjunto sul-coreano, por 4-0, disputado em 2018, para as eliminatórias do Campeonato do Mundo da Rússia. 

Aliás, Portugal faz a nona participação em mundiais por mérito próprio. Ganhou toda a clareza o grupo, em que estava inserido na fase de apuramento.  

Depois da eliminação na Liga das Nações frente à Espanha, em pleno Estádio Municipal de Braga, Portugal conseguiu muito rapidamente refazer-se das cinzas e direccionar os seus intentos para o Campeonato do Mundo. 

Tal como o Brasil, Portugal representa ao mais alto nível a lusofonia na maior festa futebolística mundial. Em dois jogos, os comandados de Fernando Santos marcaram cinco golos e consentiram dois.   


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Desporto