Cultura

Circuito Internacional de Teatro aposta na qualidade dos actores

Manuel Albano

Jornalista

Uma acção formativa sobre direcção cénica e actuação está a ser realizada, até o dia 25 de Junho deste ano, das 14h00 às 17h00, no Elinga Teatro, em Luanda, pelo projecto “Cultura Para Todos”, do Circuito Internacional de Teatro (CIT).

11/05/2022  Última atualização 09H10
Mentores do curso querem melhorar a capacidade de representação dos actores nacionais com enfoque nos mais jovens © Fotografia por: DR

Durante a formação, ministrada pelos professores Fernando Quissola, José Teixeira, Tony Frampénio, Edilson dos Santos, vão ser dados, também, cursos de caracterização, maquilhagem, produção de teatro, marketing e cultura.

O objectivo da acção de formação é melhorar a qualidade do potencial dos participantes, de maneira a garantir um produto aceitável, no futuro, para o uso do consumidor final.

José Teixeira, um dos formadores convidados, disse, ontem, ao Jornal de Angola, que é importante começar a melhorar as performances de muitos dos actores angolanos, devido a própria dinâmica observada hoje nas artes cénicas.

Os actores angolanos, adiantou, devem estar preparados para os desafios do futuro, razão pela qual, a formação vai permitir dar outra qualidade e corrigir algumas debilidades que muitos jovens ainda apresentam, principalmente, no domínio da representação cénica. Este ano, a sétima edição do CIT, vai promover mais de cem espectáculos de teatro, de Julho a Setembro, em homenagem ao centenário do primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto.

Os espectáculos de teatro vão ser exibidos, de acordo com a organização, nas províncias de Luanda, Benguela, Bengo, Uíge, Huíla, Malanje e Bié.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura