Mundo

Cidade de Liverpool perde estatuto de património mundial

A cidade inglesa de Liverpool foi removida esta quarta-feira (21), da lista de património mundial da UNESCO, porque os novos edifícios prejudicaram a atractividade das docas vitorianas, tornando-a no terceiro local a ser removido da lista de prestígio.

21/07/2021  Última atualização 14H20
© Fotografia por: DR

Liverpool foi declarada Património da Humanidade pela organização cultural das Nações Unidas em 2004, juntando-se a marcos como a Grande Muralha da China, o Taj Mahal e a Torre Inclinada de Pisa.

 Depois de uma votação na China por membros de seu Comité do Património Mundial, a UNESCO diz que os novos edifícios em Liverpool estão minando a "autenticidade e integridade" da cidade.

 Liverpool cidade natal dos Beatles - foi colocada na lista do património em reconhecimento ao seu papel como um dos portos mais importantes do mundo durante os séculos 18 e 19 e por sua beleza arquitectónica.

 Joanne Anderson, a prefeita de Liverpool, referiu que a decisão de remover a cidade da lista foi "incompreensível", uma década após a última visita de autoridades da UNESCO.

"Estou extremamente desapontada e preocupada", sublinhou, acrescentado que local nunca esteve em melhores condições, tendo beneficiado de centenas de milhões de libras em investimentos.", disse.

Os únicos outros locais que perderam o título anteriormente são um santuário de vida selvagem em Omã em 2007, após a caça ilegal e perda de habitat, e o vale do Elba em Dresden, na Alemanha, em 2009, quando uma ponte de quatro pistas foi construída sobre o rio.

 A etiqueta de património dá a locais históricos acesso a fundos de conservação da ONU, além de aparecer em guias turísticos em todo o mundo.

A ameaça de exclusão paira sobre Liverpool desde 2012, depois que a UNESCO avisou que os planos de apartamentos e escritórios destruiriam o horizonte da cidade.

Os planos para o novo estádio do clube de futebol Everton em parte das antigas docas foram aprovados no início deste ano, apesar das objecções dos órgãos de conservação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo