Política

Chefe de Estado diz ser quase impossível recuperar 100% do que foi desviado do erário

O Presidente da República, admitiu, nesta terça-feira, em Lisboa, “ser quase impossível recuperar a 100% que foi desviado do erário público, mas assinalou que vai continuar a trabalhar nesse sentido.

29/06/2022  Última atualização 00H55
© Fotografia por: CIPRA

João Lourenço referiu ainda que fez em quatro ou cinco anos o que o país não fez em mais de quarenta anos de independência, para quem "nunca houve tanta liberdade dada ao sistema judicial para fazer justiça”.

Em entrevista à RTP, à margem da Conferência das Nações sobre os Oceanos o Presidente da República rejeitou, igualmente, que não sejam dadas oportunidades e visibilidade nos meios de Comunicação Social Públicos ao líder do principal partido da oposição, sublinhando "o líder não fala por que não quer", afirmando que se a televisão não tem a iniciativa de o convidar, deve ser ele a fazer esse contacto.

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política