Cultura

Cantora Zinga Sona vence Prémio da Canção de Luanda

Amilda Tibéria

A canção “Cassula”, letra de Carlos Praia, na voz de Zinga Sona, é a vencedora do Festival da Canção de Luanda, edição 2022, realizada sexta-feira, à noite, no pátio no TV Zimbo, em Luanda.

26/09/2022  Última atualização 09H01
Vencedora do concurso tenciona gravar um disco em breve © Fotografia por: Rafael Tati | Edições Novembro

Zinga Sona, que também arrebatou o prémio de melhor voz, disse que a conquista dos prémios vai incentivar a sua carreira artística, uma vez que tenciona trabalhar para que futuramente possa lançar um álbum.

Rosa Aires, que interpretou a canção "Nós e as Ruas”, letra de Scoth Cambolo, venceu os prémios de melhor letra e LAC-Unitel, enquanto Naurica, com a canção "Zungueira”, letra de sua autoria, venceu o prémio de  melhor intérprete.

Para o momento cultural, a estrela foi o músico Filipe Mukenga, que rebuscou na dissonância do jazz, os chamados acordos invertidos, pouco comuns na música africana, interpretou com as artistas da edição passada do Festival da Canção de Luanda.

A rapsódia, com arranjos de João Alexandre e Tony Frampênio, interpretada pelos músicos Pretchina, Claudeth Tchizungo, Tonicha Miranda e Calabeto.

Zinga Emília de Castro Sona começou a cantar na Igreja de Nosso Jesus Cristo no Mundo (Os Tocoístas) aos cinco anos. Aos sete anos concorreu no concurso gospel, denominado "Estrelas e Vozes Brilhantes” e daí jamais parou. Faz parte do projecto turístico "Jubiliart” e do grupo musical Mwinda Voices.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura