Política

Candidatos à liderança definem as prioridades

Os candidatos ao cargo de primeiro secretário nacional da JMPLA, Domingos Betico e Crispiniano dos Santos, convergem em relação à necessidade de estabelecer o diálogo abrangente como um dos principais desafios da organização juvenil do MPLA.

12/10/2019  Última atualização 08H14
Mota Ambrósio | Edições Novembro © Fotografia por: Congresso Ordinário da organização juvenil termina hoje

Os candidatos falaram ao Jornal de Angola, antes da fase derradeira do pleito eleitoral no VIII Congresso Ordinário que encerra hoje, no Centro de Conferências de Belas, no Futungo, em Luanda.
Domingos Betico, 28 anos, natural de Luanda, defendeu um diálogo mais aberto por sentir que “a JMPLA está a perder o seu espaço a nível de debates sobre assuntos que mais importam à camada juvenil angolana.”
Domingos Betico sublinhou que a JMPLA não pode se preocupar apenas com a juventude da organização, mas com todos os jovens de Cabinda ao Cunene. Reforçou que o braço juvenil do MPLA precisa auxiliar o líder do partido na resolução dos problemas que afligem os jovens e dialogar de forma séria e directa com qualquer jovem angolano para que se identifiquem com a causa do MPLA.

Diálogo abrangente

Crispianiano dos Santos, 34 anos, milita nas fileiras da JMPLA há 18 anos. O jovem defende um diálogo mais abrangente com os jovens para conhecer e identificar os seus reais problemas e aspirações e, depois, remeter aos órgãos competentes do Governo.
Professor, o jovem sublinhou que pretende trabalhar para o cumprimento do plano programático aprovado pelo Congresso e realizar os objectivos preconizados no domínio político, económico e social, para garantir o bem-estar social da juventude.
Natural do Cunene, Crispianiano dos Santos garantiu que se vai empenhar para o crescimento qualitativo e quantitativo da JMPLA. Pretende trabalhar para a criação de condições para os jovens nos domínios da Habitação, Educação, Saúde e Emprego.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política