Sociedade

Cadáver de mulher removido em matagal

Roque Silva

Jornalista

O corpo de uma mulher foi encontrado, na manhã de sexta-feira, no Distrito Urbano do Sequele, município de Cacuaco, em avançado estado de decomposição, soube, sábado (22), o Jornal de Angola, de fonte afecta ao Serviço de Investigação Criminal (SIC), antes da remoção.

23/01/2022  Última atualização 07H48
© Fotografia por: DR
Segundo a fonte, o cadáver foi descoberto no interior de um buraco, num matagal no bairro Fortim, arredores do Sequele, longe das residências, inflamado, coberto de bichos, com a cabeça desfigurada e o rosto irreconhecível.
A mulher vestia um colã azul-escuro, usava postiço cor-de-rosa, uma pasta entre o peito e pescoço, e estava descalça, disse, para depois justificar que se trata de uma jovem, de aparentemente 22 anos. A fonte explicou que populares passavam no perímetro onde o corpo foi encontrado, seguiram o rasto do cheiro forte e nauseabundo exalado, tendo descoberto uma mulher no buraco com mais de um metro de profundidade e, de seguida, comunicaram às autoridades.
Até agora, a identidade da vítima está por se apurar, uma vez que junto do cadáver não foi encontrado nenhum documento que permita essa tarefa. Mas, sabe-se que a mulher pesava 65 quilogramas.

Explicou que diligências estão a ser feitas junto dos moradores dos bairros próximos, para se encontrar os familiares ou conhecidos da vítima. Mas, avançou serem baixas as possibilidades de o corpo pertencer a uma moradora do Fortim.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade