Sociedade

Cabo Verde quer cooperar nos transportes aéreos

Edna Dala

Jornalista

O Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, manifestou, ontem, em Luanda, o interesse do seu país em estreitar as relações de cooperação com Angola no sector dos Transportes Aéreos.

17/07/2021  Última atualização 05H10
Carlos Fonseca participa hoje, em Luanda, na Cimeira da CPLP © Fotografia por: Dombele Bernardo | Edições Novembro
A intenção foi manifestada pelo estadista cabo-verdiano, no fim de uma audiência com o presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos.
Jorge Carlos Fonseca, que cessa hoje as funções de presidente da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), adiantou que Cabo Verde quer que haja uma parceria sólida entre os dois países, na área dos Transportes Aéreos.

"Há ligações fortes (entre os dois países) e podemos encontrar soluções comuns de benefícios para as empresas dos dois países”, disse.Ao referir-se que Angola pertence à África Austral, destacou o facto de Cabo Verde ser membro da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), que considerou "um grande mercado”.  Segundo o Chefe de Estado cabo-verdiano, no encontro, decorrido a porta fechada, abordou, com, o líder do Parlamento angolano, questões que têm a ver com a Cimeira da CPLP, que decorre, hoje, em Luanda, das relações entre os dois países, bem como das perspectivas de cooperação, que as considerou boas.
Comunidade em Angola

O Presidente Jorge Carlos Fonseca reconheceu que, no geral, a comunidade cabo-verdiana em Angola "está bem integrada". Entretanto, Jorge Carlos Fonseca manifestou preocupação com "alguns segmentos", como os filhos de cabo-verdianos nascidos em Angola, que não obtiveram a nacionalidade angolana.

Informou que o assunto vai ser objecto de um grupo de trabalho conjunto que está já iniciado, para se resolver rapidamente essa preocupação, tendo em conta as boas relações entre os dois países.

Disse haver, igualmente, a possibilidade da materialização de um grande projecto agrícola, na província do Cuanza-Sul que vai merecer a atenção dos dois Governos. Para o efeito, anunciou, para breve, a vinda, a Angola, do ministro da Agricultura e Ambiente de Cabo Verde.   

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade