Regiões

Cabinda regista 148 casos de violação de menores

Bernardo Capita | Cabinda

Jornalista

Pelo menos 148 casos de violência contra menores, foram registados na província de Cabinda, de Janeiro a Novembro de corrente ano, dos quais 98 por cento cometidas por progenitores (de nacionalidade da República Democrática do Congo), informou a directora do Gabinete provincial do Instituto Nacional da Criança (INAC), Teresa Baza.

25/11/2021  Última atualização 14H37
Bernardo Capita © Fotografia por: DR

Em declarações ao Jornal de Angola, Teresa Baza destacou que os casos de fuga à paternidade e de abandono de menores foram os de maior relevância, durante o período em referência, comparativamente ao ano passado.

No que toca ao direito de registo civil, referiu que a instituição que dirige tem estado acompanhar o processo de registo de crianças, cujos pais não o fizeram que estão sob custódia do INAC.

"O contributo dos orfanatos no acolhimento de crianças tem sido fundamental para suportar a demanda, uma vez que a província carece de instituições públicas vocacionadas para o efeito”, destacou.

De referir que a província de Cabinda dispõe de um total de 14 orfanatos, dos quais, 12 pertencentes a Igreja Católica.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões