Cultura

Bruno Gabriel tenciona gravar disco de semba

Venâncio Victor | Malanje

Jornalista

O músico Gabriel Fernando do Nascimento, de nome artístico Bruno Gabriel, vai colocar, brevemente, no mercado discográfico nacional, o seu disco de estreia, intitulado “O meu momento”, com oito faixas musicais.

25/08/2021  Última atualização 11H45
Músico aposta fortemente na vertente do semba clássico © Fotografia por: Venâncio Victor | Edições Novembro | Malanje
Em declarações ao Jornal de Angola, o músico, que se considera interprete de semba clássico, disse que a sua paixão pela música vem desde tenra idade. "Infelizmente  na minha família não conheci ninguém que tinha esse lado artístico, mas eu fui me de-senvolvendo aos poucos até que completei os meus 16 anos, na minha adolescência, comecei a levar a música com seriedade e até os dias de hoje não parei mais”, disse Bruno Gabriel.

O músico disse que aguar-da por patrocínio das pessoas que apostam no seu talento, para a concretização do sonho de gravar o disco, tendo destacado a conclusão do seu primeiro single promocional, que já está a ser consumido por algumas pessoas mais próximas.As músicas que interpreta, disse, baseiam-se mais no quotidiano e retratam mais a vida e o sofrimento da mulher zungueira, lavadores de carros, entre outros temas que tocam mais a alma da população. 

Bruno Gabriel frisou que o seu  single com título "Vai com calma”, lançado há  uma semana, tem recebido elogios da crítica e tem ganho prota-gonismo no mercado local. Relativamente ao EP, que é um mínimo álbum, vão constar algumas participações a nível local como é o caso de Ucraniano Pavarote, Moreno e Aris Lopes. 

Numa primeira fase vão estar disponíveis no mercado um total dce cinco mil exemplares, que serão vendidos em Malanje e Cuanza-Norte e depois noutras províncias do país. Bruno Gabriel frisou que ao olhar  para a música localmente a impressão é que ainda não é possível viver-se dela, senão em Luanda, porque em Malanje as pessoas ainda não tem muita cultura de música ao vivo.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura