Economia

Brent arranca nos 81,73 dólares

O barril de petróleo Brent, referência às exportações angolanas, iniciou, ontem, a sessão da semana nos 81,73 dólares, ligeiramente abaixo dos 81,75 dólares do fecho de sexta-feira.

11/01/2022  Última atualização 07H25
Barril de petróleo Brent © Fotografia por: DR
As entregas futuras para Março apresentam, nos registos, uma variação diária entre 81,11 e 82,28 dólares. Nas últimas 52 semanas, a variação foi de 54,48 a 86,7 dólares, respectivamente. Dados da Investing.com, até ontem, revelam ainda uma variação no período de um ano a atingir os 45,67 por cento.

Neste mês de Janeiro, a maior alta registada foi de 83,0 dólares; o preço mais baixo de 77,04 dólares; o valor médio de 80,91 dólares e uma variação em torno dos 4,69 por cento, motivada pela diferença positiva nos preços de 5,96 dólares. No histórico das transacções anuais, há um ano, isto a 11 de Janeiro de 2021, o barril custava precisamente 55,66 dólares.

Contexto mundial

O petróleo está a registar ganhos ligeiros, depois de o "ouro negro” começar o ano com a maior subida semanal em quase um mês. O Brent, por exemplo, registou ganhos de 5,1 por cento na primeira semana de 2022.

Já com os ânimos mais calmos em torno da produção na Líbia e no Cazaquistão, depois de na semana passada terem existido alterações na produção Líbia devido à manutenção num oleoduto, e com a ordem no Cazaquistão a ser reposta depois de protestos civis, o petróleo está a valorizar. O West Texas Intermediate (WTI), negociado em Nova Iorque, apreciou 0,39 por cento, com o barril a negociar nos 79,21 dólares.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia