Cultura

BJLA no Uíge sugere construção de bibliotecas comunitárias

O secretário provincial da Brigada de Jovens Literários (BJLA) no Uíge, Augusto Mussulo, sugeriu, terça-feira, ao Governo provincial para apostar na construção de bibliotecas comunitárias e de espaços para a divulgação de obras literárias.

12/01/2022  Última atualização 09H50
© Fotografia por: DR
Em entrevista à Angop, sobre os constrangimentos da inexistência de bibliotecas comunitárias e espaços para divulgação de obras literárias na província, o responsável justificou que a criação desses espaços poderá incentivar o hábito de leitura na região.

Augusto Mussulo solicitou igualmente ao Governo da Província do Uíge a criação de políticas que visam apoiar os escritores locais na publicação de suas obras.

Devido à inexistência de espaços para a publicação de obras literárias na região, muitos escritores recorrem às plataformas digitais para a divulgação dos seus trabalhos, informou o responsável.

A título de exemplo, disse que no ano passado foram divulgados mais de 50 poemas em várias plataformas digitais.

Esclareceu que a BJLA, tem realizado encontros académicos e culturais, para o incentivar a juventude a ter gosto pelas artes plásticas, literárias, entre outras formas de manifestações culturais.

O núcleo provincial da Brigada de Jovens Literários de Angola (BJLA) controla mais de 50 artistas, entre poetas, trovadores e escritores.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura