Regiões

Bié: Unidades sanitárias com mais fármacos

Unidades sanitárias das comunas do Dando e da Gamba, no município da Nharêa, província do Bié, beneficiaram, esta segunda feira, de kits de medicamentos essenciais, com destaque para antipalúdicos e antibióticos injectáveis e em comprimido, segundo a administradora Maria Lúcia Chicapa.

19/04/2022  Última atualização 09H30
© Fotografia por: DR

Acrescentou que o reforço de medicamentos visa acudir a carência nas farmácias e que a malária continua a ser a patologia mais frequente, devido à época chuvosa.

Maria Lúcia Chicapa apelou aos responsáveis das unidades sanitárias no sentido de gerirem bem os fármacos, devendo utilizá-los com racionalidade. Armindo Correia, técnico colocado no Centro de Saúde da Gamba, disse que os fármacos vão ajudar no combate às epidemias, pelo menos nos próximos quatro meses.

O paludismo, febre tifóide, doenças diarreicas e respiratórias agudas, de transmissão sexual e reumáticas são frequentemente diagnosticadas nas instituições sanitárias do município de Nharêa. 

A direcção municipal da Saúde controla 17 unidades sanitárias públicas, sendo um Hospital Municipal, quatro centros de saúde e vários postos médicos.

Para garantir a assistência médica e medicamentosa, o município conta com sete médicos nacionais e 147 técnicos, números considerados insuficientes, para atender a população.

José Chaves | Nharêa

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões