Economia

Bié: Feira da batata e do milho acontece em Agosto

A segunda edição da feira da batata rena e do milho terá lugar, no mês de Agosto, na cidade do Cuito, segundo garantiu o governador do Bié, depois de ter visitado, esta semana, o lugar onde acontecerá do evento, a Praça da Solidariedade, arredores da Sede Municipal do Cuito.

24/07/2020  Última atualização 14H31
DR © Fotografia por: A primeira feira da batata rena e do milho aconteceu no município do Chinguar, de 8 a 10 de Agosto de 2019.

Pereira Alfredo garantiu à imprensa, no final da visita de constatação ao sector produtivo na província, que a feira da batata rena e do milho é um espaço que pode congregar os produtores e interessados.  

O governante informou estarem criadas todas as condições para o certame, em vésperas das festas da Cidade do Cuito, tendo destacado que se pretende uma feira que possibilite a absorção dos produtos, quer pelas grandes superfícies comerciais, quer para outras forças que os mercados dispõem. 

A primeira feira da batata rena e do milho aconteceu no município do Chinguar, de 8 a 10 de Agosto de 2019, e nela foram comercializadas mais de 100 toneladas de milho e 50 de batata rena. A província do Bié é o maior produtor de batata rena, sendo a fazenda Vinevala e filhos o maior produtor deste tubérculo.

Incentivos

Os produtores do ramo da indústria e da produção receberem garantias do governador do Bié que terão o apoio institucional e advocacia do Governo junto da banca, para que estes recebam financiamento no âmbito do Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição de Importações (PRODESI).

Pereira Alfredo constatou, no município do Cuito, os níveis de produção do sector industrial e alimentar e deu nota positiva à vontade dos empresários continuarem a exercer as actividade no ramo industrial e da produção alimentar. "Há uma conjugação de esforços muito grande do sector produtivo, pois até a data não despediram nenhum funcionário, mantendo os empregos preservados e com perspectivas de aumentar mais postos”, afirmou.

O governador Pereira Alfredo enalteceu ainda o facto de os empresários da província, mesmo com a pandemia da Covid-19, não desistirem das suas actividades, sendo um bom indicador para continuar a encontrar soluções para mitigar os problemas que os empresários vivem. “Gerar mais emprego, renda para as famílias e, acima de tudo, fortalecer a produção interna é o compromisso que devemos manter neste tempo de restrições pela pandemia”, disse o governador.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia