Regiões

Bengo emite milhares de cartas de condução

Edvaldo Lemos | Bengo

Jornalista

Mais de duas mil cartas de condução foram emitidas, de Junho de 2021 a Fevereiro do corrente ano, na província do Bengo, no âmbito da implementação do Programa Simplifica 1.0, informou, em Caxito, o chefe do Departamento de Viação e Trânsito e Segurança Rodoviária (DPVTSR) do Comando Provincial da Polícia Nacional.

08/03/2022  Última atualização 09H55
População aconselhada a levantar os documentos © Fotografia por: Contreiras Pipas |Edições Novembro

Falando em conferência de imprensa, nas instalações da DPVTSR, o superintendente-chefe Luís Kanganjo explicou que, no domínio da reforma da Administração Pública, foram suprimidos vários documentos, que eram solicitados para a emissão da carta de condução e alargados os prazos de validade, que passam para 15 anos, para condutores de 18 a 64 anos, e cinco anos para aqueles cujas idades estão acima dos 65 anos.

Sublinhou que, no âmbito do Programa Simplifica 1.0, os cidadãos deixaram de ter constrangimentos na aquisição de documentos como atestado de residência, registo criminal, atestado médico e talão de recenseamento, antes considerados obrigatórios para a obtenção da carta de condução.

Durante a conferência de imprensa, o chefe do DPVTSR no Bengo exaltou a implementação do novo sistema de emissão da carta de condução, ao considerar que o mesmo representa uma vitória no combate à burocracia. "Agora está tudo simplificado. Só é necessário o Bilhete de Identidade para obter o documento”, referiu.

Acrescentou que, em termos de segurança, o novo sistema não permite falsificação do documento, porque agora a carta de condução só pode ser emitida com a presença do requerente, "para evitar que os amigos do alheio façam das suas. Portanto, é bem diferente do sistema anterior, onde qualquer funcionário poderia emitir o documento”.

Com uma tiragem diária de 30 a 40 cartas de condução, o Departamento Provincial de Viação e Trânsito e Segurança Rodoviária possui um laboratório equipado com quatro máquinas de impressão, sendo três para cartas de condução e livretes e uma para verbetes.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões