Economia

Banco Sol mantém aposta na bancarização junto dos mercados

Yara Simão

Jornalista

O Banco Sol continua a desenvolver junto dos mercados a campanha de sensibilização e abertura de contas bancárias aos vendedores, clientes e público em geral com o objectivo de promover massivamente abertura de contas simplificadas, bankitas e atribuição de TPA’s.

04/08/2021  Última atualização 13H35
A meta é formalização da economia © Fotografia por: Cedida

Depois do mercado do "30" aquela instituição bancária realizou, recentemente, campanha de abertura de contas simplificadas no mercado do Kikolo, no município de Cacuaco, em Luanda.  

A acção enquadra-se no Projecto de Desenvolvimento do Sistema Financeiro, no qual o Banco Nacional de Angola (BNA) promove algumas campanhas de sensibilização sobre educação e inclusão financeira.

A meta é formalização da economia através da inserção da população fora deste sistema, construindo assim uma sociedade mais inclusiva e um sistema financeiro mais resistente.

"Para o Banco Sol, esta acção é bastante gratificante, por se  tratar não somente de uma concretização, mas sim de uma missão, entre muitas outras que tem estado a efectivar em parceria com o Executivo em prol do desenvolvimento económico e social das famílias nas comunidades.

Inclusão financeira

A campanha de sensibilização sobre educação e inclusão financeira  é evento que envolve vários bancos comerciais e visa sensibilizar a população sobre a importância da abertura de uma conta bancária (Bankita e Simplificada), para o acesso ao sistema financeiro e crédito bancário.

Segundo o BNA, a campanha vai permitir que um número maior de pessoas possa  aderir ao sistema financeiro, com a abertura de conta no valor mínimo de 100 kwanzas.

A iniciativa vai, também, ajudar as famílias a ganharem a cultura de bancarizar o seu dinheiro e tornarem-se  auto-suficientes.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia