Economia

Banco Europeu tem 3 mil milhões de euros para investir em África

JA Online

O director do Banco Europeu de Investimento (BEI), Diederick Zambon, garantiu, que a instituição bancária tem 3 mil milhões de euros para investir em África, 50% dos quais, para o sector público e a outra metade para o sector privado.

20/06/2024  Última atualização 13H31
Reunião entre o Ministério do Planeamento e a delegação da União Europeia © Fotografia por: Direito Reservado

A declaração foi prestada, quarta-feira, durante uma reunião entre a delegação da União europeia e o Ministério do Planeamento.

O BEI tem uma carteira de 12 projectos, avaliados num total de  613 milhões de euros, alguns destes projectos já foram concluídos, outros estão em execução e há também os que se encontram em fase de concepção ou de "Due Diligence".

Na ocasião, o ministro do Planeamento, Victor Guilherme, disse que o país precisa de uma carteira mais diversificada.

"Precisamos de mais, não só de projectos do sector público, como os de infra-estruturas de base, tais como estradas, plataformas logísticas, caminhos de ferro, energia e sistemas de irrigação, para dar suporte ao sector privado, mas também produtos financeiros que possam alavancar o empresariado, sobretudo na mecanização agrícola e transformação da sua produção”, destacou o Ministro.

Sobre o capital humano, Victor Hugo Guilherme, apelou para que se olhe para a capacitação dos empreendedores e empresários em matérias de concepção e implementação de projectos empresariais bancáveis. 

Por sua vez, a embaixadora, Rosário Bento, garantiu que a União Europeia, por via de doações ou subvenções, pode promover essa natureza de capacitação, bem como, pode disponibilizar verbas que sirvam de garantia, para o crédito ao sector privado. 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia